Artes Visuais

Na Casa Independente temos acolhido ao longo dos últimos três anos de actividade um selecção ecléctica de artistas plásticos que são convidados a intervir nos vários espaços da casa. Inicialmente com um projecto concebido para a casa de banho, os artistas eram convidados a apresentar propostas para esta divisão, no entanto hoje em dia propagam-se propostas pelas restantes divisões da Casa.

Actualmente a face mais visível é sem dúvida o mural que recebe todos os visitantes na escadaria que dá acesso ao 1º piso da Casa. O mural conta neste momento com uma intervenção do artista plástico Carlos Gaspar. “Saiu para ficar tarde”, é o título da obra. Consiste numa composição que explora a leveza, a soltura, a cor; e constitui-se como um conjunto de transições que passam por territórios imaginados, padrões, figuras. Transporta-nos pelo universo pictórico da história de arte e da pintura de paisagem, realizando uma passagem pelos opostos, entre o céu e a terra, o dia e a noite e criando assim rito e ritmo na subida e descida daquela escadaria, que é o anfitrião da Casa.

Passaram ao longo dos tempos artistas como: Tiago Borges, Ygor Marotta, João Ferro Martins, Jorge Santos, Gustavo Sumpta, Colectivo Zetta, Filippo Fiumani, Gwendolyn Van der Velden, Carlos Gaspar.